NOVIDADES

Como Armazenar e Manusear Corretamente os Óleos Lubrificantes em sua Oficina ou Garagem.

12.06.2024

Os óleos lubrificantes desempenham um papel fundamental no funcionamento eficiente de motores e equipamentos automotivos. No entanto, para garantir sua eficácia e prolongar sua vida útil, é essencial armazená-los e manuseá-los corretamente. Neste post, vamos explorar algumas dicas para garantir que você esteja tratando seus óleos lubrificantes com o cuidado necessário.

1. Escolha do Local de Armazenamento Adequado:

O primeiro passo para armazenar óleos lubrificantes de forma adequada é escolher o local certo. Idealmente, o local de armazenamento deve ser fresco, seco e protegido da luz solar direta. Isso ajuda a evitar a degradação prematura do óleo devido à exposição a condições extremas de temperatura e luz.

2. Mantenha os Recipientes Fechados e Selados:

Certifique-se de que os recipientes de óleo lubrificante estejam sempre bem fechados e selados. A exposição ao ar pode levar à oxidação do óleo, comprometendo sua qualidade e desempenho. Além disso, evite transferir óleo para recipientes não originais, pois isso pode contaminar o lubrificante.

3. Rotule e Armazene de Forma Organizada:

Manter uma organização adequada é fundamental para evitar confusões e garantir que você esteja usando o óleo lubrificante correto para cada aplicação. Rotule claramente os recipientes com informações como tipo de óleo, viscosidade e data de compra. Além disso, armazene separadamente diferentes tipos de óleo para evitar misturas acidentais.

4. Evite a Contaminação:

Evite a contaminação do óleo lubrificante a todo custo. Mantenha-o afastado de produtos químicos agressivos, solventes e materiais estranhos que possam comprometer sua pureza. Além disso, ao manusear o óleo, use funis limpos e recipientes livres de sujeira para evitar a entrada de contaminantes.

5. Descarte Adequadamente os Resíduos:

Quando chegar a hora de descartar óleos lubrificantes usados, certifique-se de fazê-lo de acordo com as regulamentações locais. Muitas vezes, existem locais específicos de coleta para resíduos de óleo que podem reciclá-lo de forma apropriada, evitando danos ao meio ambiente.

Seguir estas dicas simples pode ajudar a garantir que seus óleos lubrificantes se mantenham em condições ideais para uso, prolongando sua vida útil e garantindo um desempenho confiável.


Na Fortlub, temos as melhores opções para o seu veículo. Entre em contato conosco.

Para ter informações ou adquirir esses produtos, basta entrar em contato através do atendimento ao cliente pelo (11) 2413-3000 ou envie uma mensagem para [email protected], todos em horário comercial.

SAIBA MAIS

Lubrificantes Automotivos: Guia para escolher o ideal para o seu veículo

25.04.2024

Você já deve ter ouvido falar que é importante utilizar o óleo lubrificante recomendado pelo fabricante. Essa recomendação não é um mito, mas sim uma orientação valiosa. Tanto na hora da troca quanto ao completar o nível do óleo, seguir o tipo especificado pelo fabricante é fundamental para garantir o melhor desempenho e a durabilidade do seu motor.

Mas como fazer essa escolha?

Lubrificantes automotivos são fluidos especiais destinados a lubrificar as partes móveis de um veículo, contribuindo para sua eficiência e prolongando a vida útil do motor. Além disso, eles desempenham um papel crucial no resfriamento do motor e na proteção contra desgaste, corrosão e outros danos.

É crucial selecionar o tipo correto de lubrificante, pois cada motor é projetado para funcionar com um tipo específico de lubrificante automotivo. Por isso, elaboramos um artigo completo com excelentes dicas para ajudá-lo nessa escolha.

Quer saber mais? Leia o artigo completo da Fortlub!

Consulte o manual do proprietário:

O manual do proprietário é a fonte mais confiável para determinar o tipo de lubrificante recomendado para o seu veículo. Consulte a seção de manutenção para encontrar as especificações do fabricante, incluindo o período correto de troca do lubrificante.

Verifique a classificação API:

Adquira lubrificantes homologados pela ANP:

É essencial verificar se o lubrificante que você está adquirindo é homologado pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), garantindo assim a integridade e a qualidade do produto.

Verifique a viscosidade:

A viscosidade é a medida da espessura do lubrificante e deve ser escolhida de acordo com as recomendações do fabricante do seu veículo.

A classificação do American Petroleum Institute (API) é um indicador da qualidade dos lubrificantes para motores. Observe as especificações (mineral, semissintético ou sintético), além da viscosidade (SAE) e nível de desempenho indicados (API).

Existem três tipos de óleo lubrificante: mineral, semissintético e sintético. O tipo mineral é derivado da separação de componentes do petróleo, enquanto o sintético é produzido por processos químicos. O semissintético é uma mistura de óleos minerais e sintéticos.

Além do tipo, fique atento às siglas e números encontrados nos rótulos, como SAE 5W30, SAE 10W40, API-SN e API-SL. A sigla SAE, que significa Sociedade de Engenheiros Automotivos em inglês, determina a viscosidade do lubrificante.

Escolha o lubrificante adequado para a tecnologia do motor:

Motores modernos, como os de gasolina com injeção direta e os a diesel, podem exigir lubrificantes específicos. Certifique-se de escolher um lubrificante que atenda às especificações do fabricante do seu veículo.

Lembre-se sempre de que o uso de um lubrificante fora das especificações recomendadas pode causar sérios danos e reduzir significativamente a vida útil dos componentes do motor. Portanto, escolha um lubrificante que atenda às especificações corretas para garantir a proteção adequada contra o atrito e outros desgastes.

É importante ressaltar que, independentemente da quilometragem do motor, as especificações de lubrificante recomendadas pelo fabricante não mudam ao longo do tempo.

Em resumo, escolher o lubrificante certo para o seu veículo é essencial para a manutenção adequada do carro. Siga as recomendações do fabricante, considere o clima local, verifique a viscosidade e escolha um lubrificante adequado à tecnologia do motor para garantir o desempenho e a longevidade do seu veículo.

Na Fortlub, temos as melhores opções para o seu veículo. Entre em contato conosco.

Agora que suas principais dúvidas sobre óleos lubrificantes foram esclarecidas, convidamos você a continuar acompanhando nosso blog para mais dicas e conteúdos interessantes sobre o universo automotivo.

Para ter informações ou adquirir esses produtos, basta entrar em contato através do atendimento ao cliente pelo (11) 2413-3000 ou envie uma mensagem para [email protected], todos em horário comercial.

SAIBA MAIS

Decifrando as Siglas: Entenda o que significam as abreviações nas embalagens de lubrificantes automotivos.

21.03.2024

As siglas presentes nas embalagens de lubrificantes automotivos são mais do que meros códigos; são informações cruciais que podem influenciar diretamente o desempenho e a durabilidade do seu veículo. Ao entender o significado por trás dessas siglas e como elas estão relacionadas às especificações e características dos lubrificantes, você poderá tomar decisões mais certeiras e garantir um funcionamento otimizado do seu motor.

Desde viscosidade até padrões de desempenho e especificações de óleo, as siglas informações que podem ser muito importantes para proteção do motor, reduzir o desgaste e manter o funcionamento suave do veículo. Neste conteúdo, exploraremos as principais siglas encontradas nos rótulos de lubrificantes e sua importância, para garantir um desempenho confiável e duradouro do seu carro.

Essas siglas representam organizações internacionais responsáveis por estabelecer uma variedade de normas, baseadas em testes específicos, para a classificação dos lubrificantes de acordo com sua aplicação. Isso permite que os consumidores identifiquem se o lubrificante atende as necessidades de seus equipamentos, consultando seus manuais. 

Abaixo estão detalhes sobre algumas dessas entidades:

SAE - Society of Automotive Engineers:

A SAE é responsável pela classificação mais antiga de lubrificantes automotivos, definindo faixas de viscosidade sem considerar requisitos de desempenho. Ela categoriza óleos de motor e transmissão. Para mais informações sobre as faixas de viscosidade, consulte "O que significam os números (20W-40, 50, etc.) que aparecem nas embalagens de óleo?".

API - American Petroleum Institute:

O API, em colaboração com a ASTM (American Society for Testing and Materials), estabelece especificações que definem os níveis de desempenho que os óleos lubrificantes devem atender. Essas especificações orientam os consumidores na escolha dos produtos. Por exemplo, para carros de passeio, existem os níveis API SM, SL, SJ, entre outros, indicando o desempenho de forma crescente. A evolução dos motores levou à modificação dos óleos com aditivos para atender às exigências dos fabricantes em proteção contra desgaste, corrosão, redução de emissões, entre outros aspectos. Atualmente, o nível API SM é o mais avançado. Para motores diesel, a classificação segue como API CJ-4, API CI-4, CH-4, CG-4, CF, etc., onde "C" significa Commercial. O API também classifica óleos para motores dois tempos e para transmissões e engrenagens.

ACEA - Association des Constructeurs Européens de l’Automobile:

Esta classificação europeia combina testes do API, ensaios de motores europeus (Volkswagen, Peugeot, Mercedes Benz, etc.) e ensaios de laboratório.

JASO - Japanese Automobile Standards Organization:

A JASO define especificações para lubrificantes de motores dois tempos (FA, FB e FC, em ordem crescente de desempenho) e também para sistemas de transmissão de motocicletas, como JASO MA (MA1/MA2) e MB.

NMMA - National Marine Manufacturers Association:

Substituindo o antigo BIA (Boating Industry Association), a NMMA classifica óleos para motores náuticos de dois tempos como TC-W3 (two cycle water) e para motores náuticos de quatro tempos a gasolina como FC-W (four cycle water).

É fundamental compreender as siglas presentes nas embalagens de lubrificantes, pois elas fornecem informações essenciais sobre o desempenho e a adequação do produto para diferentes tipos de equipamentos. Ao entender o significado de siglas como SAE, API, ACEA, JASO e NMMA, os consumidores podem fazer escolhas mais corretas, garantindo que o lubrificante atenda às especificações necessárias para proteger e otimizar o funcionamento de motores, transmissões e outros componentes mecânicos.

Além disso, o conhecimento das siglas ajuda a evitar o uso de lubrificantes inadequados, que podem comprometer o desempenho e a durabilidade dos equipamentos, resultando em potenciais danos e custos adicionais de manutenção.

Agora que você está mais familiarizado com as siglas e suas importâncias na escolha de lubrificantes adequados para seus equipamentos, está pronto para tomar decisões mais conscientes e eficazes. 

Lembre-se sempre de consultar o manual do seu equipamento e verificar as recomendações dos fabricantes antes de selecionar um lubrificante.

Com esse conhecimento, você pode garantir o melhor desempenho, proteção e durabilidade para seus motores e componentes mecânicos. 

Continue acompanhando nosso blog para mais dicas e informações úteis sobre manutenção e cuidado.

A Fortlub se destaca por oferecer em seu catálogo os principais óleos lubrificantes disponíveis no mercado, entre em contato conosco 

Para ter informações ou adquirir esses produtos Fortlub, basta entrar em contato através do atendimento ao cliente pelo (11) 2413-3000 ou envie uma mensagem para [email protected], todos em horário comercial.

SAIBA MAIS

Qual é a hora certa de trocar o óleo do motor? Entenda aqui!

15.09.2023

Trocar óleo do carro faz parte da rotina de qualquer motorista, mas nem sempre essa é uma tarefa simples e a Fortlub vai te ajudar nessa missão, iniciando pela escolha do local que você irá realizar a troca, chegando na viscosidade correta do óleo e até se ele é sintético, semissintético ou mineral. 

Ao contrário do que muitos pensam, essas dúvidas são muito comuns e que devem ser levadas a sério, afinal, trocar óleo do carro de maneira errada, pode gerar sérios problemas para a peça mais importante do seu automóvel: o motor.

Foi pensando nisso, que listamos neste post os pontos que você deve prestar mais atenção na hora de trocar o óleo do carro. Vale os minutos de leitura, para não acabar pagando pelos prejuízos e pelo mau funcionamento do seu veículo. Veja abaixo quais são os principais pontos a se pensar, quando você for trocar óleo do automóvel.

Veja o prazo certo para a troca de óleo:
A troca de óleo deve acontecer em intervalos específicos, dependendo do carro em si. Isso porque cada automóvel tem maiores ou menores exigências em relação ao fluido. Portanto, precisa de um produto mais ou menos resistente.

Troque o filtro de óleo:
Só trocar o óleo não é o suficiente para proteger o seu motor. É importante trocar o filtro do óleo também sempre que fizer a troca. Isso porque o filtro acumula sujeiras que irão contaminar o novo lubrificante assim que ele for utilizado. 

Siga as recomendações do manual do proprietário:
Na hora de escolher qual óleo comprar para o seu carro, siga as determinações especificadas pelo manual do proprietário do seu automóvel. Isso porque existem óleos com diversas especificações de viscosidade e aditivação. 

Use o tipo de óleo certo para o seu combustível:
Por fim, não esqueça que o óleo do motor estará em contato com os gases combustíveis do motor. Por isso, existem óleos feitos para motores a gasolina e etanol e outros feitos para motores a diesel.

Classificação API:
API (American Petroleum Institute) é o nome dado à forma com que os óleos automotivos são classificados conforme o seu nível de desempenho. Essa classificação divide os óleos em dois tipos, levando em conta o combustível usado e a força do motor. 

De acordo com sua origem de composição, os óleos lubrificantes podem ser classificados em:

Mineral:
O óleo lubrificante do tipo mineral é derivado do petróleo e contém aditivos em sua composição para uma melhor funcionalidade. 

Sintético:
O óleo sintético é obtido por meio de reações químicas e é considerado o mais puro entre os três tipos. Não possui aditivos.

Semissintético:
O óleo semissintético apresenta ótimo custo-benefício, pois é formado por uma mistura de base sintética e base mineral. 

Como vimos, nem todo lubrificante é igual, existem diferentes tipos, tecnologia e nível de desempenho para cada tipo de aplicação, sendo importante entender o que cada sigla significa. 

E é sempre bom ressaltar que devemos seguir a indicação do manual do proprietário do veículo para utilizar o lubrificante correto.

A Fortlub se destaca por oferecer em seu catálogo os principais óleos lubrificantes disponíveis no mercado, entre em contato conosco 

Para ter informações ou adquirir esses produtos, basta entrar em contato através do atendimento ao cliente pelo (11) 2413-3000 ou envie uma mensagem para [email protected], todos em horário comercial.

SAIBA MAIS

13 de maio – Dia do Automóvel

11.05.2023

Que uma das paixões brasileiras é o automóvel, a gente já sabe... mas que existe um dia para comemorar esse grande invento, você sabia?

Pois é, além disso ainda existem três hipóteses sobre a criação dessa data comemorativa. Qual é a real, jamais saberemos. O que importa mesmo é que podemos neste dia, comemorar o dia do automóvel!

A data foi criada no ano de 1934, por Getúlio Vargas através do Decreto no 24.224 assinado em 11 de maio.

Dentre as possibilidades da origem da criação da data, destacamos:

A data seria uma homenagem a Bertha Benz, esposa de Karl Benz, um dos criadores do primeiro carro para venda do mundo, o Benz Patent-Motorwagen - ou Motorcar;

A data comemoraria a produção do Belcar, considerado como o primeiro carro de passeio brasileiro. O modelo fabricado pela Vemag - Veículos e Máquinas Agrícolas S.A, era equipado com motor 1.0 de dois tempos com bloco da também indústria brasileira Sofunge. A primeira unidade do automóvel teria saído da linha de produção em 1958, ou seja, 24 anos depois do decreto de Getúlio Vargas.

Ou ainda, a abertura da primeira estrada pavimentada do Brasil. A rodovia que liga a cidade do Rio de Janeiro a Petrópolis, com cerca de 66 quilômetros, foi inaugurada em 13 de maio de 1926.

Interessante né? Teorias a parte, o automóvel veio acompanhando a evolução dos tempos, da tecnologia e atualmente pode andar sem ter um motorista, o chamado "direção autônoma" e há projetos de carros voadores, como aqueles que só eram vistos em filmes e desenhos!

No mês em que também comemora-se o "Maio Amarelo", trazendo a conscientização sobre a segurança no trânsito, lembramos a importância da manutenção, seja preventiva ou corretiva, estar sempre em dia!

Muitos acidentes são causados pela falta de manutenção, e se como dizem, "quem ama, cuida", fica a dica de manter o carro sempre com tudo em ordem.

Se precisar de ajuda, a Fortlub tem um grande portfólio de autopeças, com produtos de qualidade, das maiores e melhores marcas que se preocupam com tecnologia, inovação e qualidade para cuidar dos veículos.

Para ter informações ou adquirir esses produtos, basta entrar em contato através do atendimento ao cliente pelo (11) 2413-3000 ou envie uma mensagem para [email protected], todos em horário comercial.

Texto: Paula Skoretzky / PSC Comunicação -  Assessoria de Imprensa Fortlub/SkyGroup

Foto: Divulgação

SAIBA MAIS

Óleos lubrificantes Menzoil? Temos

14.04.2023

A Menzoil, o “óleo do urso”, como é conhecida atualmente a marca, localiza-se na cidade de Louveira, interior de São Paulo.

Com formulação americana e no mercado de óleos lubrificantes desde 2006, a Menzoil atua em vários segmentos, fornecendo para a Fortlub, produtos para as linhas leve, utilitários e pesada, atendendo veículos flex, a gasolina ou a diesel.

Com qualidade comprovada e certificada pela ANP (Agência Nacional do Petróleo), a Menzoil é considerada em seu setor uma das mais modernas e de maior índice de automação da América Latina, tendo a capacidade de produção de 6.000 m3/mês e só utilizando em sua composição, aditivos homologados e que atendem às especificações dos órgãos internacionais API, JASO, SAE e ACEA. Além disso, sua planta industrial possui certificação também em conformidade com as normas internacionais de qualidade (ISO 9001) e de cuidados com o meio ambiente (ISO 14001).

Mas para que servem os lubrificantes?

O óleo lubrificante, como o nome já diz, é responsável por proporcionar a lubrificação das partes internas do motor, garantindo o seu correto funcionamento, evitando o atrito e o desgaste prematuro das peças. 

Por conta de sua viscosidade, também é um forte aliado na proteção contra corrosão, desde que mantenha seu período de troca sempre respeitado, garantindo o máximo de seu desempenho. 

Tipos de óleos lubrificantes:

Para veículos existem basicamente três tipos de óleos lubrificantes: minerais, sintéticos e semissintéticos. 

Os minerais são os mais tradicionais e “em conta” para o bolso, mas em comparação aos outros dois tipos, são os que possuem tecnologia inferior, comumente usados em veículos a gasolina e diesel mais antigos. 

Os semissintéticos possuem valor e qualidade intermediários, mas conta com tecnologia que previne a formação de borra e depósitos, mesmo em altas temperaturas. 

Já os sintéticos são os de maior valor, mas também mais qualidade tecnológica aplicada, comumente usados em veículos mais modernos. 

É muito importante que sempre seja respeitado o tipo de óleo para cada tipo de motor do veículo na hora da troca! Deve sempre ser observado o grau de viscosidade e a classificação de desempenho do óleo. Para saber com confiabilidade qual o melhor tipo, consulte sempre o plano de manutenção contido no Manual do Proprietário do veículo.

Para consultar quais óleos lubrificantes Menzoil temos, entre em contato através do atendimento ao cliente pelo (65) 2128-3950 ou envie uma mensagem para [email protected], todos em horário comercial.

Texto: Paula Skoretzky / PSC Comunicação -  Assessoria de Imprensa Fortlub/SkyGroup

Foto: Divulgação

SAIBA MAIS

Fortlub Lubrificantes do Mato Grosso é distribuidora autorizada Lubrax

02.02.2023

A Fortlub, tradicional e conhecida distribuidora de lubrificantes e autopeças no país, mas reconhecida por sua forte atuação no estado de Mato Grosso, destaca sua parceria com uma das maiores e mais importantes fornecedoras de óleos lubrificantes do Brasil, a Lubrax.

Há mais de uma década no mercado e pertencente ao Sky Group, que atua há mais de 25 anos no mercado de reposição de peças automotivas, a Fortlub Lubrificantes é distribuidora autorizada da Lubrax desde 2021.

Como única distribuidora autorizada do estado, essa parceria é a consolidação de um trabalho sério e comprometido que a Fortlub vem fazendo nos últimos anos no segmento de lubrificantes Lubrax em todo o Estado do Mato Grosso

"Temos um trabalho totalmente direcionado e focado na Lubrax. Como distribuidores autorizados, oferecemos aos nossos clientes um atendimento exclusivo, treinamentos, campanhas e uma logística eficiente em todo o estado do Mato Grosso.", explica Eliseu Prates, Gerente Regional Fortlub. "A Lubrax é a marca mais lembrada do Brasil no segmento de lubrificantes, atendendo as mais rigorosas especificações técnicas exigidas pelas maiores montadoras, com garantia de qualidade e alta tecnologia no desenvolvimento dos seus produtos.", finaliza Prates.

O Gerente comenta ainda que quando a marca lança um produto no mercado, a Fortlub sempre é uma das primeiras revendedoras a disponibilizar a novidade para os clientes, ressaltando a confiabilidade e o suporte direto à distribuidora.

Atendendo as linhas leve, pesada, moto, agrícola e industrial, a Fortlub tem como um dos seus principais objetivos para 2023, o fortalecimento da parceria com a Lubrax, aumentando a presença da marca no mercado do Mato Grosso e participando dos principais eventos do segmento ao longo do ano.

Para adquirir lubrificantes Lubrax no estado do Mato Grosso, basta entrar em contato através do fone (65) 2128-3950 ou enviar um e-mail para [email protected], sempre em horário comercial.

Fonte: Paula Skoretzky / PSC Comunicação - Assessoria de Imprensa Fortlub/SkyGroup

Foto: Divulgação

SAIBA MAIS

Jaguar Land Rover, inaugura a primeira concessionária zero carbono

08.08.2022

A Land Rio, é a primeira concessionária no Brasil, no Rio de Janeiro, com iniciativas dedicadas à redução da emissão de carbono. A unidade possui painéis solares como principal fonte de energia, armazena água da chuva, posteriormente reutilizada, e adota copos biodegradáveis, eliminando itens de plástico.

Além disso, a concessionária instalou compressores de ar com acionamento de velocidade variável para reduzir o consumo de energia e proporcionar melhor qualidade do ar, e substituiu o sistema de bomba de lavagem de carros por solução que liga e desliga conforme o uso.

A marca pretende expandir essas medidas para todas as lojas da marca até 2030, é um programa extenso que conta com mais de 120 aprimoramentos para atingir a meta. 

SAIBA MAIS

VALEO AGORA É LÍDER EM MOBILIDADE ELÉTRICA

26.07.2022

Recentemente a Valeo é acionista 100% da Valeo Siemens e Automotive, essa estratégia fez da Valeo um dos principais players em eletrificação mundial com uma gama completa de soluções de powertrain elétrico de baixa e alta tensão.

Essa estratégia irá acelerar seu crescimento e seu roadmap tecnológico para oferecer aos seus clientes cada vez mais soluções de alto desempenho, além de criar grandes sinergias que devem representar um incremento anual de 120 milhões de euros até 2025 de forma progressiva.

Com a Valeo Siemens e Automotive, a Valeo está trazendo a bordo um líder tecnológico e industrial reconhecido com aproximadamente 4.000 funcionários, incluindo mais de 1.600 engenheiros, 7 locais de produção em 4 países (China, Alemanha, Hungria e Polônia), bem como P&D de ponta (laboratórios, bancadas de teste, ferramentas de simulação) e capacidade de produção.

Seus sistemas de powertrain elétricos, motores, inversores e carregadores de bordo estão presentes nas principais plataformas de mais de 20 montadoras e equiparão mais de 90 modelos de carros elétricos e híbridos plug-in até o final de 2022.

SAIBA MAIS